Velhidades x Novidades

O samba tomou conta de todos os cômodos aqui de casa esse domingo.

Inspirada pela boemia, pelo choro do cavaquinho e o requebrado do pandeiro, resolvi abrir a roda de samba e colocar nessa batalha do velho contra o novo duas bandas bacanérrimas.

O grupo Demônios da Garoa ganhou esse nome após uma rádio de São Paulo lançar um concurso entre seus ouvintes para escolher o nome da banda que iniciava sua carreira, depois de ter vencido o concurso de calouros A Hora da Bomba, da Rádio Bandeirantes. Assim foi feito, e os Demônios da Garoa continuam até hoje trazendo aos nossos ouvidos o bom e velho samba.

Com a contribuição do cantor e compositor Adoniran Barbosa, que um tempo depois lançou o famoso dueto com Elis Regina em Tiro ao Álvaro, a banda lançou Trem das Onze, música eleita como a mais cantada do carnaval do Rio de Janeiro de 1965.

Demônios da Garoa – Trem das Onze

.
Trazendo a modernidade aos ouvidos atentos, vem o som do Graveola e o Lixo Polifônico, banda mineira formada em 2004.

Mas um aviso: Graveola não é uma banda que pode ser classificada como banda disso ou aquilo. Partindo da premissa básica da liquidificação sonora, eles próprios se (in)definem como irreverentes e atrevidos, múltiplos e desajeitados, formando a combinação perfeita para o que chamam de uma caixa de possibilidades póetico-sonoras. Sem mais delongas…

Graveola e o Lixo Polifônico – Insensatez: A Mulher Que Fez

A banda se apresentou ontem no Espaço Cento e Quatro como parte da programação do FIT BH, festival que se encerra hoje. Quem não foi, perdeu.

Bom resto de fim de semana =)

Sobre Natália M.

Podendo ser qualquer coisa nessa vida, escolheu ser advogada (mas promete que é uma pessoa legal). É apaixonada por listas, música, livros, filmes, seriados e sorvete de pistache (sim, de pistache). Adora um parêntese, prefere os vilões do que os mocinhos, nunca quis ser bailarina, odeia explicar piada e jamais, em hipótese alguma, come feijão fora de casa (exceto se for feijoada, aí pode).
Esse post foi publicado em Aqui em casa toca, É do Brasil, Música, Velhidades x Novidades e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s