Viva a sexta feira!

Nessa sexta feira de celebração atrasada, dedico o dia ao grupo novaiorquino Beastie Boys. Juntos desde 1979, os caras fazem um som bacanérrimo e têm em seu repertório clipes sensacionais.

(You Got To) Fight For Your Right (To Party!) foi o primeiro single do primeiro album, Licensed to Ill, de 1986. Logo depois do lançamento, a música entrou para o hall da fama das 500 músicas que moldaram o rock n’ roll.

.
Body Movin’, música do Hello Nasty (1998), é, sem dúvida, música pra sacudir o esqueleto. Misturando o rock, hip hop e uma pitada de batida eletrônica, Body Movin’ foi sucesso instantâneo e foi até remixada pelo Fatboy Slim.

.
Agora, de todas as músicas, as duas abaixo são as minhas favoritas (e os clipes também).

Em 1994 foi lançado o álbum Ill Communication trazendo Sabotage como primeiro single. O clipe (sensacional!) foi dirigido por Spike Jonze (o mesmo diretor de Quem Quer Ser John Malkovich, Adaptação e outros clipes bacanas). Inspirado nas séries policiais dos anos 70, os próprios caras do Beastie Boys atuam no clipe, que ficou marcado como um dos mais legais da época e levou prêmio pra casa no VMA de 1995. A versão original tem cenas de violência explícita que tiveram que ser cortadas para que o vídeo pudesse ir ao ar nos EUA.

Ah… e no remake de Star Trek, é essa a música que toca na cena em que o capitão Kirk (ainda criança), pega o Corvette do pai e é perseguido pelos policiais!

Por fim, Intergalactic, música do mesmo álbum de Body Movin’, abusou ainda mais da batida eletrônica. O clipe, dirigido pelo MCA (um dos membros da banda), tem uma cara meio Power Rangers depois da hora de morfar e ganhou como melhor vídeo de hip hop no VMAs de 1999.

Desculpem o atraso!
Aumentem o som e bom fim de semana!

Sobre Natália M.

Podendo ser qualquer coisa nessa vida, escolheu ser advogada (mas promete que é uma pessoa legal). É apaixonada por listas, música, livros, filmes, seriados e sorvete de pistache (sim, de pistache). Adora um parêntese, prefere os vilões do que os mocinhos, nunca quis ser bailarina, odeia explicar piada e jamais, em hipótese alguma, come feijão fora de casa (exceto se for feijoada, aí pode).
Esse post foi publicado em Aqui em casa toca, Música, Viva a sexta feira! e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s